Se alguém ainda duvida da importância de conhecermos o passado para construirmos o nosso futuro, então que revogue todos os conhecimentos acumulados pela humanidade até a presente data. J.U.Nassif

"A força está na serenidade do ânimo e no equilíbrio dos sentimentos."

domingo, novembro 30, 2008

ESALQ SEDIARÁ INSTITUTOS DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA

Em Brasília, o Ministro Sergio Rezende anunciou 101 novos institutos que receberão R$ 600 milhões para pesquisas em áreas estratégicas


Em solenidade de apresentação dos projetos selecionados, o Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT) anunciou ontem (27), novas centros de pesquisas que ocuparão posições importantes no Sistema Nacional de C&T. O investimento anunciado, proveniente do Programa de Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia, é o maior valor destinado para uma chamada pública para apoio à pesquisa já disponibilizado no Brasil.

Rezende informou que o programa, que contava com R$ 523 milhões, recebeu cerca de R$ 70 milhões em reforço financeiro do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico Social (BNDES) e da Petrobrás. Esses recursos serão repassados diretamente ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq/MCT) para dar suporte aos projetos selecionados de todo território nacional.

No Estado de São Paulo, onde se encontram 35 novos centros de produção científica e tecnológica de ponta, serão investidos R$ 187 milhões a partir de um termo de cooperação firmado entre a Fapesp e o CNPq, cujo montante será dividido igualmente entre as duas instituições para dar suporte aos projetos selecionados.

Selecionadas em âmbito internacional, as propostas foram avaliadas por pesquisadores especializados em cada uma das áreas de pesquisa dos projetos contemplados. Dezessete desses trinta e cinco novos centros de produção científica e tecnológica do estado de São Paulo, encontram-se na Universidade de São Paulo (USP) espalhados pela capital e por algumas unidades no interior.

Em Piracicaba, a Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” (USP/ESALQ) sediará dois Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia (INCT). São eles o INCT de Semioquímicos na Agricultura, sob coordenação de José Roberto Postali Parra, docente do departamento e Entomologia, Fitopatologia e Zoologia Agrícola (LEF) e o INCT de Engenharia da Irrigação, sob coordenação de José Antonio Frizzone, do departamento de Engenharia Rural (LER).

Antonio Roque Dechen, diretor da ESALQ declara que “nesses 75 anos da Universidade de São Paulo é muito importante saber que a ESALQ terá dois laboratórios sede do INCT, demonstrando que os departamentos envolvidos possuem tecnologia de ponta correspondendo sempre a dimensão da ESALQ nesses segmentos. Com certeza, não só a comunidade esalqueana vai se beneficiar, mas toda a agricultura brasileira”.

Programa
O Programa dos INCTs tem metas abrangentes em termos nacionais como possibilidade de mobilizar e agregar, de forma articulada, os melhores grupos de pesquisa em áreas de fronteira da ciência e em áreas estratégicas para o desenvolvimento sustentável do País; impulsionar a pesquisa científica básica e fundamental competitiva internacionalmente; estimular o desenvolvimento de pesquisa científica e tecnológica de ponta associada a aplicações para promover a inovação e o espírito empreendedor, em estreita articulação com empresas inovadoras, nas áreas do Sistema Brasileiro de Tecnologia (Sibratec).




Free Counter

Arquivo do blog